Flamengo vence Goiás por 3 a 0 e se aproxima da liderança do Brasileirão

Foto: Reprodução/Alexandre Vidal/Flamengo

Flamengo e Goiás se enfrentaram nesta segunda-feira (18/01), na Serrinha, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com apenas 1 ponto nos três jogos anteriores, o rubro-negro entrou em campo com o objetivo de diminuir a crise e se aproximar do líder São Paulo. Conseguiu. Depois de um primeiro tempo truncado, debaixo de forte chuva, a equipe carioca conseguiu a vitória tranquila por 3 a 0, com gols de Arrascaeta, Gabigol e Pedro. O time agora está a 5 pontos do tricolor paulista, tendo um jogo a menos.

O primeiro tempo não foi dos melhores. A forte chuva prejudicou bastante, pois deixou o jogo mais lento. A primeira chance do jogo foi aos 18, do Goiás, que bateu escanteio para Rafael Moura cabecear por cima do gol. No lance seguinte, Arrascaeta fez boa jogada, passou para Diego, que levantou perfeitamente para Gabigol, dentro da área. O atacante deu um belo voleio e marcou, mas o bandeirinha marcou corretamente o impedimento. Dois minutos depois, o uruguaio deu um lindo cruzamento para Éverton Ribeiro, que deu de cabeça para Gabigol empurrar para o fundo das redes. Entretanto, o árbitro de vídeo assinalou impedimento.

A partida voltou a ficar truncada. Aos 35, Rafael Moura perdeu grande oportunidade. Jefferson recebeu na esquerda e cruzou para o He-Man, livre na marca de pênalti, devido ao escorregão de Rodrigo Caio e Filipe Luís. O centravante nem precisou pular, mas cabeceou para fora. Seis minutos depois, Arrascaeta passou para Diego, que rolou de volta para o uruguaio na entrada da área. O meia bateu de primeira, a bola desviou em David Duarte, enganou Tadeu e entrou. Dessa vez o gol valeu e o jogo foi para o intervalo com o Flamengo vencendo por 1 a 0.

A segunda etapa começou com o rubro-negro melhor. O primeiro lance de perigo foi aos 7, com chute de fora da área de Diego, que passou perto. O Goiás assustou aos 11, com Shaylon, que recebeu na direita e bateu cruzado, parando em Hugo Souza. No rebote, Rafael Moura bateu por cima do gol. Aos 16, Arrascaeta deu linda enfiada de bola para Bruno Henrique, arrumou para Éverton Ribeiro, que bateu de primeira e Tadeu fez boa defesa. Então, no minuto seguinte, Bruno Henrique aproveitou falha da zaga do Goiás, recuperou a bola, infiltrou na velocidade, esperou a movimentação de Gabigol e passou para o camisa 9, sem goleiro, que dominou e fez o segundo da equipe.

Depois do gol, a partida ficou mais tranquila e Rogério aproveitou para fazer mudanças. Cinco minutos depois, Gabigol e Bruno Henrique saíram para as entradas de Pedro e Michael. Aos 31, Éverton Ribeiro e Filipe Luís foram substituídos por Vitinho e Renê e, aos 37, João Gomes entrou no lugar de Arrascaeta. O time caiu com as mudanças. O Goiás chegou com perigo em duas finalizações com força de fora da área, uma do Shaylon aos 36 e outra do Miguel Figueira aos 39, mas ambas pararam em Hugo Souza. O esmeraldino teve uma ótima chance de descontar, aos 47. Miguel Figueira fez bela jogada na direita e cruzou rasteiro para Vinícius, que não alcançou. No minuto seguinte, Vitinho chutou com força de fora da área, Tadeu espalmou e Michael bateu fraco a sobra. Já aos 49, a zaga da equipe goiana chutou em cima do Renê, a bola voltou no pé de Pedro, que cortou de letra para a esquerda, chutou, a bola desviou e entrou, botando números finais no jogo.

Com a vitória, o Flamengo chegou a 52 pontos e assumiu a 4ª colocação. Já o Goiás permanece com 26 pontos, na 18ª posição. Na próxima rodada, o rubro-negro enfrenta o Palmeiras, na quinta-feira (21/01), às 19h, no Estádio Mané Garrincha. No mesmo dia e horário, o esmeraldino encara o Ceará, na Serrinha.

Fonte: Rádio Tupi

>>AnteriorMutirão realiza 92 cirurgias de pterígio no primeiro final de semana
Próxima>>Palmeiras goleia Corinthians e segue sonhando com título brasileiro

Comente essa matéria

Comente:
Digite seu nome